São Paulo, Brazil
(JORNALISMO INDEPENDENTE) Contato: diego_graciano@hotmail.com

29 de junho de 2014

Robben, no contaron con tu astucia

Arjen Robben, decisivo.  Foto EFE 
México, de boa atuação no Mundial, eliminava à poderosa Holanda faltando uns oito minutos para o fim. Recuado, sofreu com a experiência de dos adversários decisivos: Primeiro foi o reconhecido Sneijder, depois o grande Robben, melhor jogador da Copa até hoje, protagonista de um pênalti duvidoso no finalzinho, mas vítima de outro que foi claro, não convalidado, no primeiro tempo. Holanda consegue vencer ao sensacional goleiro Ochoa e a uma seleção que caiu de pé. Percebeu-se que enquanto os mexicanos jogavam bola, os holandeses sofreram com o sufocante calor de Fortaleza. Holanda, três vezes vice-campeão mundial, avança e sonha.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário